REA – lista bibliográfica (português)

Conforme prometi em um post anterior, fica aqui uma lista de referências relativas a REA. Esta lista é consistente com as informações que o pessoal do grupo edaberta está armazenando no Zotero, mas aqui incluímos também alguns textos de qualidade publicados fora de livros e revistas acadêmicas.

Em outra ocasião compartilharei uma lista com referências em outros idiomas.

Alternativamente, baixe a lista em formato Word ou pdf.

REFERÊNCIAS

ALENCAR, A. F.; NETO, J. M. Democratizando o Acesso à Vida e Obra de Paulo Freire a experiência do Projeto Paulo Freire Memória e Presença. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2012. Disponível em: < http://www.br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/view/1886 >. Acesso em: 27 dez 2013.

ALMEIDA, L. B.; MERKLE, L. E.; SILVA, E. A. Proposta de Fluxo de Trabalho para Organização de Repositórios Abertos de Maneira Colaborativa. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2012. Disponível em: < http://br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/view/1885 >. Acesso em: 27 dez 2013.

AMIEL, T. Educação aberta: configurando ambientes, práticas e recursos educacionais. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 17-32. Disponível em: <http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/educacao-aberta-configurando-ambientes-praticas-e-recursos-educacionais/>. Acesso em: 01 jan. 2014.

AMIEL, T.; OREY, M.; WEST, R. Recursos Educacionais Abertos (REA): modelos para localização e adaptação. ETD-Educação Temática Digital, v. 12, n. mar., p. 112-125, 2010. Disponível em: < http://www.fae.unicamp.br/revista/index.php/etd/article/view/2284 >. Acesso em: 27 dez 2013.

ARIMOTO, M. M.; BARBOSA, E. F. Um Conjunto Preliminar de Praticas para o Desenvolvimento Ágil de Recursos Educacionais Abertos. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2012. Disponível em: <http://www.br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/view/1888>.  Acesso em: 27 dez 2013.

BARIN, C. S.;  MÜLLER, L.; ELLENSOHN, R. M. Construção de significados e interação com, no e pelo computador: estudos problematizados no AVEA Moodle sobre uso das tecnologias da informação e comunicação. Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre, v. 10, n. 1, julho, 2012. Disponível em:< http://seer.ufrgs.br/renote/article/download/30881/19234>. Acesso em: 27 dez 2013.

BASSANI, P. B. S.; BARBOSA, D. N. F. Uma experiência envolvendo o desenvolvimento de recursos educacionais digitais sob a perspectiva da atividade. Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre, v. 10, n. 3, dezembro, 2012. Disponível em: < http://seer.ufrgs.br/renote/article/viewFile/36399/23507 >  Acesso em: 27 dez 2013.

BRITO, B. M. S. Propriedade intelectual nas escolas. In: Anais do XXXIII Encontro da ANPED, XXXIII Encontro da ANPED, Caxambu, MG. 2010.

CASTRO, J. B. ; SOUZA, M. F. C.; LUIZ, A. L. ; CASTRO-FILHO, J. A. . Localização de Recursos Educacionais Digitais Americanos para o Ensino de Matemática no Contexto Brasileiro. In: I Congresso Brasileiro de Informática na Educação, 2012, Rio de Janeiro. Workshop de Recursos Educacionais Abertos do CBIE 2012, 2012. p. 1-10. Disponível em: < http://br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/view/1891>. Acesso em: 03 jan. 2014.

DUTRA, R. L. S.; TAROUCO, L. M. R. Recursos Educacionais Abertos (Open Educational Resources). Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre, v. 5, n. 1, p.1-8, maio 2007. Disponível em: < http://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/14171/8099>.  Acesso em: 03 jan. 2014.

FERREIRA, G. Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais: temas, tópicos e questões (bilíngue). In: OKADA, A. (Org.) Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais. 1a ed.  (p. 27-45). São Luís, EDUEMA, 2013. Disponível em: <http://oer.kmi.open.ac.uk/?wpdmact=process&did=MS5ob3RsaW5r>.  Acesso em: 03 jan. 2014.

FERREIRA, G. M. S. De conteúdo a recurso, prática e pedagogia: sobre o movimento REA e suas ramificações. Revista Educação e Cultura Contemporânea, v. 9, n. 18, p. 20-37, 2012. Disponível em:< http://revistaadmmade.estacio.br/index.php/reeduc/article/viewArticle/432>. Acesso em: 03 jan. 2014.

FERREIRA, G. M. S. et al. Utilizando o Facebook na formação de pesquisadores em Educação: experiências, percepções e práticas de integração com o ensino presencial. In: ROSADO, L. A. S.; BOHADANA, E.; FERREIRA, G. (Org.). Educação e tecnologia: parcerias 2.0. Rio de Janeiro: Editora Universidade Estácio de Sá, 2013. p. 275-297. Disponível em: < http://ticpe.files.wordpress.com/2013/12/educacao_e_tecnologia_parcerias_2.pdf >. Acesso em: 03 jan. 2014.

GONSALES, P. Aberturas e rupturas na formação de professores. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 143-151. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/aberturas-e-rupturas-na-formacao-de-professores/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

GOHN, D. M. Educação musical a distância: propostas para ensino e aprendizagem de percussão. 2009.191f. Tese ( Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação. Escola de Comunicações e Artes. Universidade de São Paulo. São Paulo. 2009.Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-13042010-225230/pt-br.php> Acesso em: 03 jan. 2014.

HINCKEL, N. C.. Os Recursos Educacionais Abertos e a Materialização do Sujeito Leitor Aprendente no Projeto  Openlearn da Open University. 2011. 132 f. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ciências da Linguagem, Universidade do Sul de Santa Catarina, Palhoça, 2011. Disponível em: < http://aplicacoes.unisul.br/pergamum/pdf/103821_Nagila.pdf.> Acesso em: 03 jan. 2014.

HUTNER, M. L. Projeto Folhas e Livro Didático Público.[Entrevista a Paulo Darcie]. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 235-237. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/projeto-folhas-e-livro-didatico-publico/ >. Acesso em: 03 jan. 2014.

INUZUKA, M. A.; DUARTE, R. T. Produção de REA apoiada por MOOC. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.).Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 193-219. Disponível em:  < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/producao-de-rea-apoiada-por-mooc/>.  Acesso em: 03 jan. 2014.

KNOX, J. Cinco críticas ao movimento REA. Trad. FERREIRA, G. M. S.; AMARAL, M. M. In: Diálogos sobre TIC e Educação, blog, 02 jun. 2013. Disponível em: < http://ticpe.wordpress.com/2013/06/02/cinco-criticas-ao-movimento-rea/>. Acesso em: 6 jan. 2013.

LAASER, W.; SCHWARZ RODRIGUES, R.; BORIES FACHIN, G. R. Educação a distância e recursos abertos. Revista Iberoamericana de Educación, v. 49, n. 4, p. 4, 2009. Disponível em:  < http://www.rieoei.org/deloslectores/2879.pdf >.  Acesso em: 03 jan. 2014.

LONGHI, M. T. et al. Um experimento para compreender como os aspectos afetivos podem ser reconhecidos em ambientes virtuais de aprendizagem. Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre, v. 7, n.1, 2009. Disponível em: < http://seer.dev.ufrgs.br/index.php/renote/article/download/13950/7865>. Acesso em: 03 jan. 2014.

MESQUITA, O. A., CASTRO FILHO, J. A. A construção de conteúdos Educacionais Digitais 2.0 sob enfoque da múltipla autoria. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. v.1, n.1. p. 1-11, 2012. Disponível em: < http://www.br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/view/1890 >  Acesso em: 27 dez 2013.

MINATEL, V.; CANNATA, V. A experiência REA em um colégio tradicional da cidade de São Paulo. [Entrevista a Paulo Darcie]. In: SANTANA, Bianca; ROSSINI, Carolina; PRETTO, Nelson de Luca (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 239-243. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/a-experiencia-rea-em-um-colegio-tradicional-da-cidade-de-sao-paulo/ >. Acesso em: 03 jan. 2014.

MOUTINHO, A. V. FERREIRA, I. C. R. Arquivos digitais: Interseção entre o Educacional e o Social. In: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas.  n. 11. 2012. Disponível em: < http://www.bad.pt/publicacoes/index.php/congressosbad/article/view/276>. Acesso em: 03 jan. 2014.

MOON, B. O papel das novas tecnologias da comunicação e da educação a distância para responder à crise global na oferta e formação de professores: uma análise da experiência de pesquisa e desenvolvimento. Educação & Sociedade, v. 29, n. 104, p. 791-814, 2008. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/es/v29n104/a0829104.pdf>. Acesso em: 03 jan. 2014.

OKADA, A. Colearn 2.0 – Coaprendizagem Via Comunidades Abertas de Pesquisa, Práticas e Recursos Educacionais. Revista Científica e-curriculum. ISSN 1809-3876, v. 7, n. 1, 2011.

OKADA, A. (Org.) Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais. 1a ed. São Luís: EDUEMA, 2013. Disponível em: < http://oer.kmi.open.ac.uk/?wpdmact=process&did=MS5ob3RsaW5r >.  Acesso em: 06 jan. 2014.

OPEN SOCIETY FOUNDATIONS. Declaração de Cidade do Cabo para Educação Aberta: Abrindo a promessa de Recursos Educativos Abertos. Cape Town, 2007. Disponível em: < http://www.capetowndeclaration.org/translations/portuguese-translation >. Acesso em: 1 abr. 2011.

OTSUKA, J. et al. Desenvolvimento de jogos educacionais abertos. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2012.

PAIT, H.; ALVARENGA, E. Z.; NASCIMENTO, R. L. C. Wikimedia Brasil e recursos educacionais abertos. In: SANTANA, Bianca; ROSSINI, Carolina; PRETTO, Nelson de Luca (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 177-191. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/wikimedia-brasil-e-recursos-educacionais-abertos/ >. Acesso em: 03 jan. 2014.

PEDRO, S. Uma política estadual de REA para beneficiar professores, alunos e o poder público. [Entrevista a Paulo Darcie]. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 225-227. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/uma-politica-estadual-de-rea-para-beneficiar-professores-alunos-e-o-poder-publico/ >. Acesso em: 03 jan. 2014.

PINTO, C.A. S., MÜLBERT, A.L. SPANHOL, F.J., PEREIRA, A.T.C. Práticas para criação e distribuição de materiais didáticos para educação a distância: conteúdos abertos ou proprietários? Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre,v. 9, n.1, julho, 2011. Disponível em: < http://seer.ufrgs.br/renote/article/view/21932>. Acesso em: 03 jan. 2014.

PRATES, J. C.; SIQUEIRA, S. WM. Uso de recursos educacionais para melhorar a eficiência das buscas na Internet. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2010.

PRETTO, N. L. Professores-autores em rede. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 91-107. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/educacao-aberta-historico-praticas-e-o-contexto-dos-recursos-educacionais-abertos/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

PRETTO, N. L.; SILVEIRA, S. A. Além das redes de colaboração: internet, diversidade cultural e tecnologias do poder. EDUFBA, 2008.

REIS, E. L. O Processo de Construção de Objetos de Aprendizagem em Cálculo Diferencial e Integral durante uma Atividade de Design. 2010.155 f. Dissertação (Mestrado) – Curso de Programa de Pós-graduação em Educação Matemática – Universidade Estadual Paulista, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Rio Claro, 2010. Disponível em: <http://www.edineireis.com.br/pesquisa/dissertacao-edinei-reis-educacao-matematica.pdf>. Acesso em: 01 jan. 2014.

REINEHR, R. Recursos educacionais abertos na aprendizagem informal e no autodidatismo. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 153-175. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/recursos-educacionais-abertos-na-aprendizagem-informal-e-no-autodidatismo/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

RODRIGUES, A. P. et al. Autoria e empacotamento de conteúdos. Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre, v. 7, n. 3, p. 1-11, 2009.

ROSSINI, C.; GONZALEZ, C. REA: o debate em política pública e as oportunidades para o mercado. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 35-69. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/rea-o-debate-em-politica-publica-e-as-oportunidades-para-o-mercado/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

ROSSINI, S. S. T.; SANTOS, E. Recursos Educacionais Abertos: Desafios para Autoria e Formação de Professores na Cibercultura. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2012. Disponível em: < http://br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/view/1894 >.  Acesso em: 27 dez. 2013.

SANTANA, B. Materiais didáticos digitais e recursos educacionais abertos. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 133-141. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/materiais-didaticos-digitais-e-recursos-educacionais-abertos/ >. Acesso em: 01 jan. 2014

SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. Disponível em: < http://www.livrorea.net.br/livro/home.html >. Acesso em: 03 jan. 2014.

SANTOS, A. I. Os discursos acerca de Recursos Educacionais Abertos: este mundo é plano? Trad. de FERREIRA, G. M. S.; AMARAL, M. M. Educação e Cultura Contemporânea, v. 10, n. 21, p. 5-21, 2013. Disponível em: < http://periodicos.estacio.br/index.php/reeduc/article/view/657/367 >. Acesso em: 13 dez. 2013.

SANTOS, A. I. Recursos Educacionais Abertos no Brasil: o estado da arte, desafios e perspectivas para o desenvolvimento e inovação. São Paulo, Comitê Gestor da Internet no Brasil, 2013. Disponível em: < http://www.slideshare.net/inamor/recursos-educacionais-abertos-no-brasil-o-estado-da-arte-desafios-e-perspectivas-para-o-desenvolvimento-e-inovaao >. Acesso em: 11 dez. 2013.

SANTOS, A. I. Educação aberta: histórico, práticas e o contexto dos recursos educacionais abertos. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 71-89. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/educacao-aberta-historico-praticas-e-o-contexto-dos-recursos-educacionais-abertos/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

SANTOS, A. I., COBO, C., COSTA, C. (Org.) Compêndio – Recursos Educacionais Abertos: casos da América Latina e Europa da Educação Superior. Niterói: CEAD-UFF, 2013. Disponível em: http://www.oportunidadproject.eu/es/recursos/compendium.html. Acesso em: 25 set. 2013.

SCHNEIDER, A. A experiência pioneira do município de São Paulo. [Entrevista a Paulo Darcie]. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 229-232. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/a-experiencia-pioneira-do-municipio-de-sao-paulo/ >. Acesso em: 03 jan. 2014.

SILVA, M. A. G. LOD: uma abordagem para desenvolvimento de objetos de aprendizagem multimídia e interativos. 2012, 247f. Tese (Doutorado). Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação, USP, São Carlos, 2012.

SILVEIRA, S. A. Formatos abertos. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 109-119. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/formatos-abertos/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

SIMON, I.; VIEIRA, M. S. O rossio não-rival. In: PRETTO, N. L.; SILVEIRA, S. A. (Org.). Além das redes de colaboração: internet, diversidade cultural e tecnologias do Poder. Salvador: EDUFBA, 2008.

SOUZA, M. F.; CASTRO- FILHO, J. A.; ANDRADE, R. Ampliando a Autonomia Docente com o Uso de Objetos de Aprendizagem Customizáveis. In: Anais dos Workshops do Congresso Brasileiro de Informática na Educação. 2012.

SOUZA, M. F.; CASTRO- FILHO, J. A.; ANDRADE, R Customização Guiada: uma estratégia Orientada a Modelos para a Produção de Objetos de Aprendizagem. In: Anais do Simpósio Brasileiro de Informática na Educação. 2012.

STAROBINAS, L. REA na educação básica: a colaboração como estratégia de enriquecimento dos processos de ensino-aprendizagem. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.). Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 121-131. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/rea-na-educacao-basica-a-colaboracao-como-estrategia-de-enriquecimento-dos-proces­sos-de-ensino-aprendizagem/ >. Acesso em: 01 jan. 2014.

TAROUCO, L. M. R. et al. Gestão colaborativa de conteúdo educacional. Renote – Revista Novas Tecnologias na Educação, UFRGS/CINTED, Porto Alegre, v. 7, n. 1, p. 1-13, 2009.

TEIXEIRA, P. Equilíbrio entre os direitos autorais e as necessidades da educação. In: SANTANA, B.; ROSSINI, C.; PRETTO, N. L. (Org.).Recursos Educacionais Abertos: práticas colaborativas e políticas públicas. São Paulo/Salvador: Casa da Cultura Digital/EDUFBA, 2012. p. 221-223. Disponível em: < http://www.artigos.livrorea.net.br/2012/05/equilibrio-entre-os-direitos-autorais-e-as-necessidades-da-educacao/ >. Acesso em: 03 jan. 2014.

 

2 pensamentos sobre “REA – lista bibliográfica (português)

  1. Pingback: Visita de pesquisa à Open University do Reino Unido | Diálogos sobre TIC & Educação

  2. Pingback: Fellowship visit to the OERRH: highlights | OER Research Hub

Deixe seus comentários!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s